4 jeitos de lidar com mascaramento na mix

Você já mixou uma música e alguns elementos simplesmente brigaram? Parece que não tem espaço suficiente para criar uma boa mix? Provavelmente você tem problemas com mascaramento.

Nesse post, vou explicar o que é mascaramento e como você pode resolver o problema na mix!
O que é mascaramento?

Mascaramento é um fenômeno da psicoacústica – um campo de pesquisa que descreve nossa percepção de sons. Para entender mascaramento, precisamos primeiro definir o limiar auditivo. 

Limiar auditivo

Nosso ouvido percebe sons de frequências entre 20 Hz e 20 kHz. Porém, não percebe todas com a mesma sensibilidade. Para perceber frequências extremamente graves (<100 Hz) ou agudas (>10 kHz), o sinal precisa ser significativamente mais alto do que um sinal contendo frequências médias (por exemplo, 3 kHz). A sensibilidade do nosso ouvido é definida pelo limiar auditivo, que você pode ver abaixo. Sons que ficam acima da linha são audíveis, sons que ficam abaixo inaudíveis.

De onde surge o mascaramento?

Como a faixa de frequências e a dinâmica que nosso ouvido consegue perceber são muito grandes, nosso cérebro não consegue analizar todos os sinais que entram. Ou seja, precisa priorizar certos sons. Para isso, divide as frequências audíveis em várias bandas. Se em alguma dessas bandas aparece um som muito alto, nosso cérebro dá mais atenção a ele. Assim sendo, outros sons na mesma banda ficam mais difícil para ouvir!


Em outras palavras, o som alto mascara os outros sons na mesma banda. 
Tentar seguir uma conversa dentro de um ambiente de som alto é um exemplo. É difícil pois o som alto (pessoas, músicas) mascara a conversa. 

Em termos científicos, o ruído modifica o limiar auditivo das bandas nas quais ele acontece, como pode ver abaixo!
Como mascaramento se manifesta na mixagem?

Sabemos agora que mascaramento dificulta diferenciar sons que ficam na(s) mesma(s) banda(s) de frequências, ou seja, sons parecidos. Alguns exemplos de pares de instrumentos que podem sofrer com mascaramento são:

  • Bumbo e baixo (o bumbo desaparece)
  • Voz e guitarras distorcidas (a voz fica sem clareza, difícil para entender)
  • Teclados e guitarras tocando no mesmo registro (diferenciar entre os elementos fica difícil)

Ou seja, sempre quando você tem dois (ou mais) instrumentos tocando na(s) mesma(s) faixa(s) de frequências, o instrumento mais alto pode mascarar o instrumento mais baixo.

Como podemos lidar com mascaramento na mix?

Para separar os elementos que ‘brigam’ na mix, podemos aplicar uma (ou várias) das seguintes técnicas:

  1. Equalização. Você pode tirar frequências caraterísticas do instrumento sendo mascarado na equalização do instrumento que causa o mascaramento. Exemplo: Se uma guitarra briga com a voz, pode fazer um cut entre 2 e 5 kHz na guitarra. Você deixou um espaço para a voz na distribuição de frequências da guitarra
  2. Compressão side-chain. Isso funciona muito bem com bumbo e baixo. Para deixar o bumbo aparecer melhor, você comprime o baixo usando o bumbo como trigger. Ou seja, cada vez que o bumbo bate, o baixo vai reduzir o volume. Você deixou um espaço na dinâmica do sinal do baixo, e o bumbo aparece melhor
  3. Separar os elementos no campo estereoscópico. Essa separação ajuda o cérebro a perceber os elementos problemáticos como duas coisas diferentes
  4. Trabalhar o arranjo. Se você tem como trabalhar o arranjo da música, abre mais uma possibilidade de combater mascaramento. Se tiver dois instrumentos tocando em faixas de frequências parecidas, transpõe um deles uma oitava para cima ou para baixo
Essa é a dica de hoje. 

Preparei um PDF mais compacto que você pode baixar clicando no botão abaixo. Não precisa deixar seu email 🙂

Gostou do texto e quer receber dicas exclusivas e notícias de áudio direto por email?

Inscreva-se abaixo na minha newsletter, e eu te envio semanalmente um email com notícias, tendências e dicas exclusivas. Jamais mandarei spam, e você pode cancelar em qualquer momento.

É gratuito e você ganha um guia com dicas de mixagem como presente de boas vindas!

Forte abraço, e até a próxima!

Posted in Áudio, Mixagem and tagged , , .